As Doenças Que Causam Infertilidade

As Doenças Que Causam Infertilidade

A infertilidade é uma preocupação crescente para muitos indivíduos e casais. Nos últimos anos, a taxa de infertilidade aumentou devido a uma variedade de fatores, desde escolhas de estilo de vida até poluição ambiental. Embora seja impossível eliminar totalmente a infertilidade, existem tratamentos eficazes disponíveis hoje que podem ajudar as pessoas que lutam contra esse problema. Neste artigo, exploraremos as causas e os sintomas da infertilidade, bem como as várias opções de tratamento disponíveis.

 

Quais As Doenças Que Causam Infertilidade?

A infertilidade é uma questão dolorosa e complexa que afeta milhões de pessoas em todo o mundo. Estima-se que 10 a 15% dos casais sofram de infertilidade, mas a maioria não sabe quais doenças podem estar causando isso. Embora algumas causas de infertilidade sejam desconhecidas, existem inúmeras doenças que podem levar uma pessoa a ser infértil.

Existem vários tipos diferentes de infecções e distúrbios que podem causar infertilidade em homens e mulheres.

 

Quais As Doenças Que Causam Infertilidade No Homem?

Varicocele

Uma das causas mais comuns de infertilidade masculina é a varicocele, que é um inchaço das veias no escroto.

As varicoceles geralmente são indolores e podem não apresentar nenhum sintoma visível. No entanto, eles podem levar a problemas de fertilidade, impedindo o fluxo sanguíneo ideal nos testículos ou afetando a produção ou a qualidade do esperma.

Varicoceles também podem aumentar a temperatura dentro do escroto, potencialmente prejudicando a produção e a motilidade dos espermatozoides. Em alguns casos, a cirurgia pode ser recomendada para restaurar o potencial de fertilidade se outros tratamentos falharem.

Câncer

O câncer é uma dessas doenças e pode afetar tanto homens quanto mulheres que estão tentando iniciar ou expandir suas famílias.

O câncer pode ter um grande impacto na fertilidade, pois muitas vezes causa danos aos órgãos e tecidos responsáveis pela criação de hormônios necessários para a reprodução. Nos homens, o câncer pode prejudicar a função testicular ou a produção de esperma; nas mulheres, a doença pode levar a problemas no útero ou nos ovários.

Os homens também podem desenvolver infecções resultantes da quimioterapia, que podem torná-los inférteis temporariamente ou mesmo permanentemente se não forem tratados.

Felizmente, tratamentos como a fertilização in vitro (fertilização in vitro) fornecem esperança para aqueles afetados pela infertilidade relacionada ao câncer.

Azoospermia

Azoospermia é uma condição em que há níveis anormalmente baixos de esperma no sêmen ou ausência completa de esperma. Isso pode ser devido a obstrução no trato reprodutivo ou anormalidades genéticas, levando à diminuição da produção de espermatozóides saudáveis. As causas mais comuns de azoospermia incluem infecções como gonorréia e clamídia, varicocele (aumento anormal das veias ao redor dos testículos), trauma testicular e condições gerais de saúde, como diabetes e problemas de tireóide. O tratamento para esta condição depende da causa subjacente; pode envolver cirurgia, medicamentos ou ambos.

 

Quais As Doenças Que Causam Infertilidade Na Mulher?

Síndrome dos ovários policísticos

Uma das causas mais comuns de infertilidade é a síndrome dos ovários policísticos (SOP). A SOP afeta de 6 a 12% das mulheres no mundo, tornando-se uma das principais causas de infertilidade.

SOP é um distúrbio hormonal que ocorre quando os ovários de uma mulher produzem mais hormônios masculinos do que o normal. Isso resulta em problemas com a liberação de óvulos durante a ovulação, levando a problemas de fertilidade.

Os sintomas comuns incluem ganho de peso e acne, bem como ciclos menstruais irregulares e crescimento excessivo de pelos faciais. Outros efeitos podem incluir depressão e ansiedade devido à dificuldade em conceber ou lidar com problemas hormonais.

Endometriose

A endometriose é uma condição na qual o tecido que reveste o útero (endométrio) cresce fora dele, geralmente em outros órgãos, como ovários e trompas de falópio. Esse crescimento anormal causa inflamação nas áreas afetadas e pode levar a cicatrizes e bloqueios nos órgãos reprodutivos. Como resultado, as mulheres com endometriose geralmente sofrem de dor pélvica ou problemas com a ovulação.

Além disso, como essa doença geralmente progride lentamente ao longo do tempo, ela pode passar despercebida por anos até começar a causar problemas de infertilidade nas pessoas afetadas por ela.

Falência ovariana precoce

Uma dessas causas de infertilidade é a insuficiência ovariana precoce (EOF), um distúrbio médico no qual os ovários param de funcionar normalmente antes da menopausa natural.

Na EOF, o suprimento de óvulos diminui muito mais cedo do que o esperado, resultando em problemas de fertilidade. Essa condição geralmente ocorre antes dos 40 anos e pode causar ciclos menstruais irregulares, ondas de calor e outros sintomas físicos relacionados à menopausa.

Se uma mulher tiver EOF, ela não poderá engravidar naturalmente sem assistência médica ou procedimentos como fertilização in vitro (FIV).

Além da EOF, algumas outras doenças que podem levar à infertilidade incluem endometriose e síndrome dos ovários policísticos (SOP).

Doenças Cardíacas

Para aqueles que sofrem de doenças cardiológicas (doença cardíaca), existem algumas medidas que podem ser tomadas para aumentar a probabilidade de ter filhos.

Quando se trata de tratar a infertilidade por Doença Cardíaca, existem vários componentes que devem ser considerados. Em primeiro lugar, todas as condições de saúde subjacentes devem ser gerenciadas antes de tentar a concepção; isso inclui exames periódicos como o controle da pressão arterial e dos níveis de colesterol, a fim de evitar mais complicações com a gravidez.

Em segundo lugar, o acompanhamento regular por um obstetra-ginecologista deve ocorrer durante toda a gravidez, a fim de garantir a manutenção da saúde fetal.

 

Navegando Na Infertilidade: Como Encontrar Esperança Em Tempos Difíceis

A infertilidade pode ser uma experiência incrivelmente difícil e emocional para os casais. Muitas vezes traz consigo sentimentos de tristeza, perda e desespero. Mas é importante lembrar que a infertilidade não é o fim da sua história; você pode encontrar esperança durante esses tempos difíceis.

A chave para navegar na infertilidade é ter um forte sistema de suporte. Procure amigos compreensivos, familiares ou profissionais que possam ajudar a fornecer orientações sobre a jornada à frente. Encontre um especialista em fertilidade que trabalhará com você em seu plano individualizado para conceber e responder a quaisquer perguntas ou preocupações que você tenha ao longo do caminho.

Participe de fóruns on-line, bem como de grupos de suporte presenciais, onde você pode se conectar com outras pessoas que passam por experiências semelhantes e compartilhar dicas e estratégias de enfrentamento umas com as outras.

Embora a infertilidade possa parecer um desafio intransponível, ainda há muitos passos que os casais podem tomar para recuperar a esperança.

 

O Impacto Emocional De Lutar Com Problemas De Fertilidade

Lutar com problemas de fertilidade muitas vezes pode ter um impacto emocional significativo sobre os envolvidos. Pode ser um momento incrivelmente estressante e triste, pois os casais experimentam sentimentos de solidão, culpa, inadequação e ressentimento.

A realidade é que a infertilidade afeta mais do que apenas a capacidade física do casal de se reproduzir; ela afeta todos os aspectos de suas vidas: emocional, social, financeira e espiritualmente.

As emoções que acompanham a infertilidade são diversas e complexas. Muitas pessoas se sentem sem esperança ou desamparadas diante de uma situação tão difícil. Aqueles que lutam com problemas de fertilidade também podem sentir raiva ou ressentimento em relação aos membros da família que conseguem conceber facilmente sem problemas.

Também pode haver sentimentos de culpa associados à ideia de que eles deveriam “apenas agradecer” pelo que têm, apesar de sua incapacidade de engravidar ou ter filhos naturalmente.

Conclusão

A infertilidade é um problema comum que muitos casais enfrentam. Pode ser difícil chegar a um acordo e pode ser difícil saber para onde ir. Mas existem sistemas de apoio e tratamentos disponíveis para quem os procura. As pessoas precisam estar cientes de que a infertilidade não as define ou define seus relacionamentos, e é importante que todos que sofrem de infertilidade tenham acesso a informações e recursos precisos. A infertilidade pode ser uma jornada difícil, mas com o suporte certo, pode levar a resultados bem-sucedidos.

 

Artigo desenvolvido pela equipe do blog totempool, site focado em carreira e desenvolvimento.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.